23 maio, 2013

Moller SKy Car 400


...

Tudo sobre Hidrogenio, preço, consumo, etc, etc, …

 O meu nome é Duke.

 Este é o meu mundo.



 Aterramos onde você quiser, somos divulgadores da (PIEH) , Parceria Internacional Para a Economia do Hidrogênio. Soluções ambientais existem na área do hidrogênio que aleados á produção de Energia a partir da geotérmica fazem a diferença. Venha descobrir algumas de uma forma divertida ...

Sky Car 400

TARGETED PERFORMANCE

Passengers2+2
Vertical takeoff and landingYes
Emergency parachutesYes
Fuel typeEthanol
Noise level at 500 ft (Goal)65 dba
Dimensions (L x X x H)21.5’ x 8.5’ x 7.5’6.5 x 2.6 x 2.3 m
Operational ceiling36,000 ft10973 m
Takeoff and landing area35 ft dia10.7 m
Max speed @ S.L.331 mph533 km/h
Cruise / Max. speed @ 20,000'308 mph496 km/h
Rate of climb @ S.L.4,800 fpm1,463 M/min
Endurance5.9 hours5.9 hours
Disc loading140 lb/ft2684 kg/m2
Range @ 131 mph (21.3 mpg)805 miles1,213 kilometers
Net payload720 lbs327 kg
Gross weight2,400 lbs1088 kg
Continuous Engine Power (Total)720 hp537 kW
Maximum L/D12.512.5
SKYCAR 400 BROCHURE SKYCAR 400 SPECIFICATIONS


Skycar 400

Skycar M400X Prototype

The Skycar 400 will use the technology developed for the M400X prototype, shown in a brief demonstration flight above.
Skycar 400

Skycar 400

Based on the M400X prototype the Skycar 400 is a powered-lift VTOL aircraft with a projected top speed of over 350 mph and a range of ~800 miles.
- See more at: http://www.moller.com/skycar400.html#sthash.2lo04VOg.dpuf ... Tudo sobre Hidrogenio, preço, consumo, etc, etc, …
...


A energia tem de ser o mais facil de encontrar, obter.

Todo o processo e infrastrutura deve ter o menor impacto ambiental possivel (o custo do desenvolvimento e da mudanca ambiental nunca deve ser superior a propria vida)

Midnightduke




[...]

...

(PIEH) Parceria Internacional para a Economia do Hidrogênio


Meu nome é Duke. Isto é o meu bolg.
Esta são Cidades do Hidrogenio e da Geotermica.
O trabalho apresentado neste blog, é um estudo de nichos sociais existentes em muitas das cidades visitadas.
Muitos dados estão incorrectos, precisam de confirmação científica. Outros dados seguiram rigorosos critérios de investigação por muitos dos autores, a quem agradeço pelo seu trabalho.
Peço desculpa por qualquer erro, baseado nas traduções do que eu escrevo aqui. Pois o meu conhecimento linguitico sobre tais linguas provem do tradutor do Google.
As marcas apresentadas aqui tem todos os direitos sobre invenções ou trabalhos científicos citados. A cópia ou reprodução é punível nos termos da lei do país em que o crime de plágio é cometido.
Obrigado ... Mid Night Duke …



...

Tudo sobre Hidrogenio, preço, consumo, etc, etc, …

 O meu nome é Duke.

 Este é o meu mundo.



 Aterramos onde você quiser, somos divulgadores da (PIEH) , Parceria Internacional Para a Economia do Hidrogênio. Soluções ambientais existem na área do hidrogênio que aleados á produção de Energia a partir da geotérmica fazem a diferença. Venha descobrir algumas de uma forma divertida ...

 ... Tudo sobre Hidrogenio, preço, consumo, etc, etc, …



VÍDEO E IMAGENS: Jetman voa sobre o Rio de Janeiro


Yves Rossy, o Jetman, sobrevoa o Rio de Janeiro no dia 2 de maio com sua asa voadora movido a jato.
Yves Rossy, conhecido como “Jetman”, cruzou o céu acima do Rio de Janeiro no dia 2 de maio, usando seu corpo para controlar em vôo uma asa rígida amarrada às suas costas, equipada com quatro pequenas turbinas. Rossy ainda permanece sendo a única pessoa no mundo a voar com uma asa rígida movido a jato. Mais uma vez Yves amplia o horizonte da aviação, conforme pode ser visto no vídeo completo feito pela Breitling.
"jetman" soars over the rio de janeiro skyline
Durante o voo sobre o Rio de Janeiro, Yves Rossy planejou passar sobre alguns pontos turísticos cariocas. Ele saltou de um helicóptero acima da Lagoa Rodrigo de Freitas, antes de estabilizar a asa e em direção ao norte atingiu a aceleração completa voando ao redor do Corcovado. Ele, então, seguiu ao sul da cidade voando junto a Praia de Ipanema, depois Copacabana e passando próximo do Pão de Açúcar, antes de acionar o seu paraquedas e pousar em segurança na praia em frente ao hotel Copacabana Palace. Em alguns momentos a sua velocidade chegou a 180 mph.

O piloto Yves Rossy saltou de um helicóptero sobre a Lagoa Rodrigo de Freitas. (Foto: REUTERS/ Joe Parker/Breitling/Handout)

O Jetman Yves Rossy sobrevoou os pontos turísticos mais famosos do Rio de Janeiro.
A carreira de Rossy inclui o serviço de aviação como piloto de caça e piloto de avião comercial, sendo comandante da companhia aérea Swiss Air Lines. Começou a construir sua asa voadora em 1993. Desde então refinou o design e em 2008, ele atravessou o Canal da Mancha, e em 2011 ele sobrevoou o Grand Canyon. Patrocinado pela famosa fabricante de relógios suíços Breitling desde 2010, Rossy voou também em formação com dois jatos L-39C Albatros da Equipe Breitling Jet.

Ao circular o Corcovado, o piloto suíço atingiu a velocidade mais alta durante seu voo.
A especial roupa de carbono-kevlar é chamada de Jetwing, e é equipado com quatro motores a jato, cada um com um empuxo de 22 kg, assim possibilitando a impulsão do aviador suíço a uma velocidade de 200-300 km/h, com ele podendo controlar a potência através de um simples acelerador de mão preso no seu pulso. Para ajustar sua trajetória e sua altitude, ele basicamente mexe seu corpo, ombros e pernas.

Depois de cerca de 11 minutos de voo, Yves Rossy acionou seu paraquedas e pousou na praia de Copacabana.
A façanha inteira durou 11 minutos e 35 segundos, numa altitude média de 1.200 metros, e nenhum problema foi relatado antes, durante ou após o vôo.




Sonho de Ícaro !!!






Para cumprir uma promessa, o homem voador sobrevoou o Grand Canyon a mais de 300 km/h.

Depois de realizar dois loops completos em um voo realizado em 2010, Yves Rossy, de 51 anos, completou mais uma façanha. Mais conhecido como "Jetman" (por razões óbvias), o aventureiro sobrevoou o Grand Canyon, localizado no estado do Arizona, a menos de 200 pés (60 metros) de sua “borda”.








Rossy saltou a aproximadamente 2440 metros acima da parte mais alta do Grand Canyon. Logo após sair do helicóptero, o aventureiro ativou os quatro motores presentes em suas asas e conseguiu se estabilizar, realizando um voo perfeito por quase 10 minutos, a uma velocidade de 190 mph (milhas por hora), o equivalente a pouco mais de 300 km/h.

O EQUIPAMENTO UTILIZADO

O voo foi feito com as asas que o próprio Rossy construiu, as quais são menores do que as utilizadas por ele no primeiro salto, em 2006. O novo protótipo foi realizado em parceria com a RUAG Company e conta com uma aerodinâmica melhor, tornando-o bem mais estável.






Quatro motores presos às asas são responsáveis pela estabilização do “Jetman” durante o voo e também ajudam a fazer com o que o aventureiro ganhe velocidade. Depois de curtir a paisagem e fazer algumas manobras, Rossy aciona um paraquedas para que possa aterrissar sem problemas.


QUEM É YVES ROSSY?

Com 51 anos de idade, Yves Rossy foi a primeira pessoa a voar sem estar em um avião, balão ou qualquer outro veículo do gênero. Com asas projetadas e construídas por ele mesmo, o "Jetman" deu seu primeiro salto e voo pela primeira vez, em 2006. Foi um grande passo rumo à fama e à liberdade!



Homem voador vai cruzar continentes


Por Paula Rothman, de INFO Online
• quarta, 25 de novembro de 2009




SÃO PAULO – O piloto suíço Yves Rossy, conhecido como Jetman, vai realizar hoje a primeira travessia intercontinental com asas a jato.
O desafio é uma ação de marketing da operadora de celular Webtel.mobi e será transmitido ao vivo hoje, às 11h30 (horário de Brasília), no site que a empresa criou especialmente para a ocasião. Basta cadastrar seu e-mail.

Cruzar os 38 quilômetros que separam a costa do Marrocos do sul da Espanha não deve ser difícil para Rossy.
Em setembro do ano passado, por exemplo, ele atravessou os 35 quilômetros do canal da mancha em apenas 13 minutos preso ao sistema de quatro jatos e asas de 2,5 metros de envergadura que ele mesmo criou. A asa é feita de fibras de carbono usadas em aeronaves, e pesa cerca de 30 quilos.
Roissy iniciará a travessia ao ser lançado de um avião a 1.950 metros, já que o equipamento não possui força suficiente para a decolagem. Ele deve se manter a essa altura durante os 13 minutos estimados da trajetória, a uma velocidade de 220km/h.
Ele sairá abastecido com 30 litros de combustível, uma mistura de querosene (95%) e óleo de turbina (5%) e será acompanhado por uma frota de helicópteros e aeronaves, que irão filmar o evento e garantir a segurança do viajante. Apesar da experiência do piloto, pára-quedas de emergência foram instalados no equipamento.
Em março deste ano, a Revista INFO (No 277) entrevistou Yves Rossy – vale conferir na sua coleção, lá na página 58. 




Mapa mostra ponto de partida (Starting Point) no Marrocos e pontos alternativos, em caso de más condições clmáticas. A chegada deve acontecer em Atlanterra, Espanha.
Por Guilherme Farias em 05 de novembro de 2010
O suíço Yves Rossy, conhecido como “Homem Voador” realizou mais uma façanha nesta sexta-feira (5).
Em 2008, Rossy ficou famoso por cruzar os 35k do Canal da Mancha com suas asas a jato. Hoje a nova façanha foi fazer diversas acrobacia. O protótipo usado desta vez, tem asas menores que o anterior, mas tem uma melhor aerodinâmica e mais estabilidade para manobras.
Um balão levou Rossy a uma altura de 2.400, e com quatro jatos acionados, pulou do balão, fez suas acrobacias e pousou com um paraquedas em Denezy. O piloto do balão foi Brian Jones, que em 1999 tornou-se a primeira pessoa a dar a volta ao mundo em um balão.
“Foi fantástico, o voo foi bem, salvo uma pequena preocupação ao ligar meus jatos. Pude fazer duas piruetas, estou muito contente”, disse Rossy logo após chegar.







A energia tem de ser o mais facil de encontrar, obter.

Todo o processo e infrastrutura deve ter o menor impacto ambiental possivel (o custo do desenvolvimento e da mudanca ambiental nunca deve ser superior a propria vida)


[...]

...

(PIEH) Parceria Internacional para a Economia do Hidrogênio


Meu nome é Duke. Isto é o meu bolg.
Esta são Cidades do Hidrogenio e da Geotermica.
O trabalho apresentado neste blog, é um estudo de nichos sociais existentes em muitas das cidades visitadas.
Muitos dados estão incorrectos, precisam de confirmação científica. Outros dados seguiram rigorosos critérios de investigação por muitos dos autores, a quem agradeço pelo seu trabalho.
Peço desculpa por qualquer erro, baseado nas traduções do que eu escrevo aqui. Pois o meu conhecimento linguitico sobre tais linguas provem do tradutor do Google.
As marcas apresentadas aqui tem todos os direitos sobre invenções ou trabalhos científicos citados. A cópia ou reprodução é punível nos termos da lei do país em que o crime de plágio é cometido.
Obrigado ... Mid Night Duke …

Nenhum comentário:

Postar um comentário

midnightduke8 procure este none no Google
Find in the Google this name midnightduke8

(PIEH) Parceria Internacional para a Economia do Hidrogênio
(IPHE) International Partneship for lhe Hidrogen Economy