11 janeiro, 2015

Atterrissage Paris

Arch Enemy - No More Regrets


O meu nome é Duke.
Este é o meu mundo.
Aterramos em Paris, França, um dos parceiros da (PIEH)Parceria Internacional para a Economia do 
 É a segunda vez que vimos a esta cidade. O que nos trouxe hoje aqui nada tem a ver diretamente com o Hidrogenio.
 Não viemos assistir á grande hipocrisia, dos governos da Europa, essa foi ontem.
 Viemos tentar compreender o que realmente se passou.

 Nós somos á resistência.
 A eles eu chamo-lhe os carrascos que querem executar a nossa especie.
 Eles os que dançam sobre cadáveres da maçonaria (cartoonistas que eles conspiraram para executar), atraindo atenções do mundo inteiro em nome duma causa nobre, que eles mancharam de sangue.
 O passo seguinte deles, CLONAGEM ...

 Mas se não me leva a serio lei-a as palavras que Jesus um dia disse e mandou escrever.

"Ai de vós escribas e tariseus, hipocritas.

Pois sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora, realmente parecem formosos mas interiormente estão cheios de ossos de mortos de toda a imundicia."
...
"Assim também vós, exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniquidade."





fanatico - Não é só no Brasil que fanáticos atacam a imprensa.

preconceito - Está bem na hora de uma revolta generalizada contra esses ataques terroristas e grupos que se denominam defensores de Allah ! Já ultrapassaram todos os limites de crueldade. E o sofrimento não traduz só em países ocidentais, entre eles mesmo há muito sofrimento. Vide escola atacada recentemente na Ásia.

A Xenofobia vai aumentar mil por cento a partir de agora por lá .

fanatico - xenofobia? A sociedade européia é tão preconceituosa que acolheu milhões de islâmicos em seu território como refugiados e agora sofre as consequências. +Wagner Rebonato

preconceito - O problema é que existem ASSASSINOS saídos de dentro desses grupos e a sociedade precisa se defender.

fanatico - Muitos muçulmanos alegam que o Islã é uma religião da paz. Portanto, aguardo ansioso as manifestações dos muçulmanos repudiando esse atentado, ou então irei concluir que, além de extremistas, são hipócritas.

preconceito - Chamar o povo europeu de xenófobos?! Eles sabem que significa Pátria.

 #ForaEuropa

fanatico - Para vocês perceberem o quanto os muçulmanos condenam os ataques terroristas, até agora nenhum país muçulmano condenou os ataques ou disse uma palavra de solidariedade às vítimas. E também não vi nenhuma mensagem de solidariedade às vítimas da comunidade islâmica "moderada" da França.

+Uilton J. Romeiro é mesmo,  nunca vi uma manifestação de muçulmanos pedindo paz. 

duke - Vocês estão todos cegos.
E se o ataque foi feito pela  Mossad israelita?
Até o "modus operantes" é da Mossad a Alquaeda ataca á bomba.
Quem mais beneficia com isto?
Os árabes que vão ser corridos pela estrema direita?
Os Israelitas desta ganharam pontos a dobrar ..

+duke duque mas por a mossad israelita ?  Sendo que a revista satirizava Maomé e o lider do estado islâmico 

fanatico - Para você que é um Radical Islâmico só quero lhe dizer que Maomé é um viadão que deve estar dando a bunda pro capeta.

duke -Ainda é cedo demais para falar.
Ninguém revindicou o atentado.
...
Todos tinham interesse em destruir este jornal até o Vaticano.
Voçês conhecem a historia da revista?
O famoso episodio dos "intocábleis" a comunidade israelita quis que o governo francês fecha-se o jornal.
Tentaram comprar até os donos do referido editorial.
...
As outras razões é as mesmas dos disparos em Kiev, o reconhecimento da Palestina e, e a teoria da conspiração que vai até, até... o abate do avião da Malásia Airlines pelo governo de Kiev, dizendo que eram os russos.
...
E a estrema direita?
Não terá interesse em correr com os emigrantes?
Um episodio destes é do melhor ..

fanatico - Sempre tem um idiota que entra aqui para narrar teoriazinhas da conspiração mesmo sabendo que cristãos jamais fizeram ataques a jornalistas por não concordar com alguma publicação. Quem disse que a comunidade islâmica não teve nada a ganhar? Eles ganharam o MEDO DO OCIDENTE. Eles tem verdadeiro ÓDIO a charges e agora quero ver o chargista que vai publicar qualquer coisa retratando o islã com bom humor. A comunidade islâmica conseguiu o que queria e o que era mais importante neste momento.

duke - Primeiro o idiota da teoria é alguém que está mais dentro do assunto do que eu ou você.
Segundo a imaculada cristandade nunca perseguiu cartoonista. Voçe nunca ouviu falar da Inquisição ou da perguição do Salazar (que era cristão dos pés á cabeça) á liberdade na lingua portuguesa.
Terceiro voçe nem olhou minhas postagens antes de me apontar o dedo.
Se quer saber a minha religião? Pergunte eu estou aqui para responder.

fanatico - Se você quiser falar sobre História, estou pronto vamos lá. Mas te garanto que você HOJE, não precisa temer um cavaleiro cruzado da Idade Média, mas um radical islâmica o mundo precisa ter cuidado sim. Os únicos que matam inocentes por motivos religiosos, em pleno século XXI são assassinos islâmicos e isso é inadmissível que continue acontecendo nos dias de hoje. +duke duque 

duke - E alguém disse o contrario? Alguma vez me viu defender os árabes ou o Islão?
Quando á lição de historia, os cruzados fizeram muito por nossos dois paises, se hoje existimos como nações e temos uma lingua comum devemos a eles.
Quanto aos outros que foram corridos de Portugal e infelizmente massacrados pelos nazis, não são mais inocentes e basta olhar o que fizeram na Palestina.
O que aconteceu hoje, ontem vai muito além vai muito além da conspiração.
Foi um massacre, como o de Realengo, Besland, Palestina, agora no leste da Ucrânia e não vale a pena, referir mais ..
Desta perdemos porque alguém pagou para aquele massacre acontecer.
E isso é que é inadmissível! Quem pagou? O fanatismo religioso, logico ..

Os judeus são massacrado por eles.

+duke duque eu vi que o editor chefe era judeu né ? 

+duke duque q viagem essa tua!

+Antonio Pereira concordo 110% 

duke - O que posso vos dizer?
As evidencias comprovam, fanáticos muçulmanos foram os autores do massacre.
Vamos os linchar .. nem precisa de provas ou julgamento.
...
.. não é isso que diziam nos primeiros comentários deste post?

fanatico - Você sabe que no Ocidente eles terão um julgamento justo, com direito de defesa. Direito esse que esses assassinos negaram às suas vítimas. +duke duque 

duke - Assim espero.
Se assim tivesse sido no primeiro julgamento não teria acontecido o que aconteceu.
Pelo menos desta maneira ..
Deixaram-no á solta deu nisto.
Mas quem financia eles!?
A Arabia Saudita que nos vende petroleo principalmente.

Concordo. Se o primeiro julgamento tivesse sido justo, este indivíduo não estaria solto para matar mais inocentes. +duke duque 

duke - Infelizmente o sistema tem falhas .. lacunas!
O que eu falava já começou a acontecer a extrema direita já esta a tirar dividendos.
Eu estive em Toulouse França em 2006 falei com uma jovem marroquina que vivia lá num bairro do estado.
O maior medo dela era esse pagar por algo que vivia no apartamento ao lado e que não podia denunciar.

+duke duque como assim?  Quem sao a extrema direita ? 

duke - São conhecidos por serem xenófobos ..
Não gostas de emigrantes e adoptam politicas nazistas.
Adoptam o nacional socialismo como dotrina a Marie Le Pen provavel presidente da França é o rosto da extrema direita anti européia.
O pai dela chegou a dizer que ia exterminar os pretos com o Ebola (agora este massacre complicou, percebem, um presente para a extrema direita).

+duke duque​ mas vi comentários que talvez o Senhores do mundo,  os illuminati podem estar por trás disso.  Por fazer parte da agenda global . Provavelmente querem implantar um bode expiatório pra invadir outro pais e colocar mais leis repressivas 

duke - Iluminati não vamos por esse lado.
O promenor do BI (bilhete de identidade) do terrorista deixado lá no carro. Alguma vez numa operação daqueles. Todo o criminoso tem lapsos mas não destes.
Ouça o testemunho do português que estava a 100 metro e compreenderá quem foi os assassinos.

+duke duque​ entao os verdadeiros culpados podem ser a mossad isrselita ? o que me deixa curioso é o homem que filmou a açao dos terroristas, pelo video que eu vi ele tava com uma camera de qualidade e com uma segurança incrível, parecia um profissional fotografico

duke - Pode ser sim ..
Até pode ser o próprio governo françes .. eles eram incômodos até para o Francês Hollande presidente da França.
Eu não disse no inicio que cheirava a conspiração.
Eu duvidei até da minha fonte de informação, mas depois cai na real.
O pormenor de como foi feito os tiros. Com uma só mão, em linha reta, só especialista faz tiro assim. Se um dos tipos esteve preso como deixaram ele treinar-se desta maneira?
Não encaixa ou encaixa bem demais ..
Outra, se as autoridades francesas tinham eles debaixo de olho como foi isto acontecer que grande a lapso.

 +duke duque entao esse incidente nada tem haver com os illuminati. Os planos deles sao outros 

duke - Pois não sei?
Os Iluminati são o quê? A Opus Dei? Os banqueiros europeus (suíços).
A maçonaria é o quê os cartoonistas? Não sei? Não vejo as coisas assim!
Nós então somos a resistência! "Nós" a NGS (national geográfic) o Greenpeace e tantos outros organismos não governamentais incluindo a (PIEH) que é uma parceria internacional  para a economia do Hidrogênio constituída por 18 paises.
E os russos e os chineses?

duke - Acabou, foram mortos.
Não haverá justiça, morreram como cães ..
E assim mais uma vez fica as duvidas perante as possíveis evidencias.

fanatico - Dúvida o c-a-r-a-l-h-o. O mundo viu muito bem quem foram os responsáveis pelo TERROR. A polícia francesa agiu muito bem e fez o que era possível fazer. Pena que reféns inocentes foram vítimas desses TERRORISTAS ISLÂMICOS.

duke - É triste quando alguem vem para um espaço deste mandar outro ao c...
Eu respeito a opinião de vocês se não respeitam a minha simplesmente denunciou ou bloqueio não mando ninguém ao c...

+duke duque​ isso mesmo  devemos respeitar a todos e viver unidos. 

duke - É sempre a mesma merda.
Dizem-se tolerantes que espalham a palavra de Deus isto e aquilo. Isso é tudo treta.
Depois vem mandar os outros para o caralho.
Isso é tudo conversa as pessoas refugiam-se em regras e símbolos pré estabelecidos.
São incapazes de reconhecer outra versão.
Isto é assim a Net é o nosso reflexo na sociedade.
Reflete a sociedade em que vivemos.
...
Acabou, foram mortos os terroristas.
Não haverá justiça, morreram como cães .. Mereceram á isso mereceram ...
E assim mais uma vez fica as duvidas perante outras possibilidades.
Os cartoonistas acabaram por morrer e tudo continua igual ou pior. É a regra ..
...
É triste quando alguem vem para um espaço deste mandar outro ao caralho.


G1 









  • 07/01/2015 09h21 - Atualizado em 08/01/2015 01h06
  • Ataque em sede de revista em Paris deixa mortos

Polícia francesa disse que 12 pessoas morreram e 11 ficaram feridas.
Alvo foi sede de revista satírica que já foi atacada por muçulmanos.

Do G1, em São Paulo
Homens armados são vistos saindo de um carro e apontando armas a um carro da polícia perto do escritório da revista satírica 'Charlie Hebdo', em Paris (Foto: Anne Gelbard/AFP)Homens armados são vistos saindo de um carro e apontando armas a um carro da polícia perto do escritório da revista satírica Charlie Hebdo, em Paris (Foto: Anne Gelbard/AFP)
Pelo menos 12 pessoas morreram e 11 ficaram feridas em um tiroteio em Paris nesta quarta-feira (7). O crime aconteceu no escritório da revista satírica "Charlie Hebdo", que já havia sido alvo de um ataque no passado após publicar uma caricatura do profeta Maomé.
Todos os mortos foram identificados. São eles: o editor e cartunista Stéphane Charbonnier, conhecido como Charb, o lendário cartunista Wolinski, o economista e vice-editor Bernard Maris e os cartunistas Jean Cabu e Bernard Verlhac, conhecido como Tignous, além do também desenhista Phillippe Honoré, do revisor Mustapha Ourad e da psicanalista Elsa Cayat, que escrevia uma coluna quinzenal para a “Charlie Hebdo” chamada “Divan”.
Entre as outras vítimas fatais, segundo o jornal "Le Monde", estão o policial Franck Brinsolaro, morto dentro da redação, e o agente Ahmed Merabet, que morreu já na rua, durante a fuga dos atiradores. No ataque também morreram um funcionário da Sodexo que trabalhava no prédio, Frédéric Boisseau, de 42 anos, e um convidado que visitava a redação, Michel Renaud.
Ainda de acordo com o jornal, o jornalista Philippe Lançon é uma das vítimas gravemente feridas. Crítico literário do jornal "Libération", ele escreve crônicas para a "Charlie Hebdo". A agência Reuters, citando a polícia, diz que 11 pessoas ficaram feridas, sendo quatro em estado grave.
A cartunista Corinne Rey, que afirma ter sido forçada a deixar os atiradores entrarem na redação, diz que eles falavam francês fluentemente. Em uma entrevista ao jornal "l'Humanite", ela contou que conseguiu se esconder embaixo de uma mesa durante a ação, que durou cerca de cinco minutos.
De acordo com o médico Gerald Kierzek, que atendeu alguns dos feridos e foi citado pela CNN, os atiradores separaram os homens das mulheres e perguntaram especificamente por algumas pessoas pelos nomes, antes de matá-las.
Segundo fontes policiais, os autores do ataque portavam rifles Kalashnikov e gritaram "Vingamos o Profeta!", em referência a Maomé, alvo de uma charge publicada há alguns anos pela revista, o que provocou revolta no mundo muçulmano.
Os jornais franceses "Le Monde" e "Metro News" dizem que três suspeitos foram identificados, mas ainda não há informações oficiais.
De acordo com fontes policiais ouvidas pela agência Reuters, dois dos suspeitos seriam irmãos que moram em Paris e o terceiro seria de Reims.
Vigília pelas vítimas
Mais de 100 mil pessoas foram às ruas de várias cidades da Françaem uma vigília às vítimas da "Charlie Hebdo".
Em Paris, convocados por vários sindicatos, associações, meios de comunicação e partidos políticos, cerca de cinco mil pessoas se reuniram a partir das 17 horas (14 horas de Brasília) na praça da República, centro da capital, perto da sede do semanário.
Alguns usavam adesivos e cartazes onde se podia ler a mensagem "Je suis Charlie" ("Eu sou Charlie"), que também circula nas redes sociais.
Manifestantes se reúnem na Praça de la Republique, em Paris, para protestar contra o atentado à sede da revista (Foto: Christophe Ena/AP)Manifestantes se reúnem na Praça de la Republique, em Paris, para protestar contra o atentado à sede da revista (Foto: Christophe Ena/AP)
O procurador da República, François Molins, precisou os detalhes dos acontecimentos em coletiva de imprensa.
Segundo disse, dois indivíduos entraram na sede da revista e perguntaram a dois funcionários da manutenção onde era a entrada. Em seguida, atiraram em um dos funcionários e renderam o outro no segundo andar do prédio, onde acontecia a reunião de pauta dos funcionários da publicação. Lá, atiraram e mataram 10 pessoas, sendo 8 jornalistas, um convidado e um policial encarregado da segurança.

Molins confirmou a informação de fontes policiais de que os autores do ataque afirmaram "vingar o profeta" durante o atentado. Segundo ele, os suspeitos fugiram de carro em direção ao norte de Paris, bateram em outro veículo e então abandonam o carro em que estavam. Depois, renderam um motorista e fugiram em outro carro.
Rua da sede da revista 'Charlie Hebdo' é tomada por ambulâncias após o atentado a tiros à publicação satírica que eventualmente fazia piadas com o profeta Maomé (Foto: François Mori/AP)Rua da sede da revista 'Charlie Hebdo' é tomada por ambulâncias após o atentado a tiros à publicação satírica que eventualmente fazia piadas com o profeta Maomé (Foto: François Mori/AP)
Ele acrescentou que oito das vítimas eram jornalistas e que quatro dos 11 feridos estão em estado grave, segundo dados fornecidos pela polícia.
O número de suspeitos envolvidos no crime ainda é incerto e não foi confirmado pela polícia. Eles ainda são procurados e são perigosos, segundo as autoridades.

O Ministro do Interior da França, Bernard Cazeneuve, disse que três suspeitos são procurados.
Fotos de arquivo mostram cartunistas da equipe da revista 'Charlie Hebdo' mortos no ataque. Da esquerda para a direita: Georges Wolinski (em 2006), Jean Cabut - o Cabu (em 2012), Stephane Charbonnier - o Charb (em 2012) e Tignous (em 2008) (Foto: Bertrand Guay, François Guillot, Guillaume Baptiste/AFP)Fotos de arquivo mostram cartunistas da equipe da revista 'Charlie Hebdo' mortos no ataque. Da esquerda para a direita: Georges Wolinski (em 2006), Jean Cabut - o Cabu (em 2012), Stephane Charbonnier - o Charb (em 2012) e Tignous (em 2008) (Foto: Bertrand Guay, François Guillot, Guillaume Baptiste/AFP)
Mais cedo, Rocco Contento, porta-voz do sindicato dos policiais local, disse a jornalistas que três suspeitos fugiram em um carro dirigido por um quarto homem, segundo informações do jornal "The Guardian".
'Ataque terrorista'
O presidente francês, François Hollande, acrescentou que "40 pessoas foram salvas". Ele classificou o caso como um "ataque terrorista", e disse que a França está em estado de choque. Os autores do ataque são procurados pela polícia.
Hollande reconheceu que o governo sabia que a França "estava ameaçada, como outros países do mundo", e afirmou que "foram desbaratados vários atentados terroristas nas últimas semanas".
O presidente francês Francois Hollande faz pronunciamento nacional após o atentado à revista 'Charlie Hebdo' nesta quarta-feira (7) em Paris (Foto: Reuters/Philippe Wojazer)O presidente francês Francois Hollande faz pronunciamento nacional após o atentado à revista 'Charlie Hebdo' nesta quarta-feira (7) em Paris (Foto: Reuters/Philippe Wojazer)
Uma reunião emergêncial do gabinete da presidência foi convocada para as 14h locais (11h de Brasília). Após o ataque, a França elevou para o nível máximo o nível do alerta terrorista em Paris.
“Cerca de meia hora atrás dois homens usando capuz escuro entraram no prédio com duas armas”, disse a testemunha Benoit Bringer à rádio France Info. “Alguns minutos depois nós ouvimos os barulhos dos disparos”. Ele acrescentou que os homens foram vistos deixando o prédio.
Pessoas se abraçam em frente à sede da revista satírica 'Charlie Hebdo', após ataque terrorista em Paris (Foto: Remy de la Mauviniere/AP)Pessoas se abraçam em frente à sede da revista satírica 'Charlie Hebdo', após ataque terrorista em Paris (Foto: Remy de la Mauviniere/AP)
Ao abandonar o prédio, os agressores atiraram contra um policial, atacaram um motorista e atropelaram um pedestre com o carro roubado.
"Ouvi disparos, vi pessoas encapuzadas que fugiram em um carro. Eram pelo menos cinco", declarou à AFP Michel Goldenberg, que tem um escritório vizinho na rua Nicolas Apert, onde fica a sede da revista.
mapa (Foto: G1)
Revista
A sede da revista foi alvo de um ataque a bomba em novembro de 2011 após colocar uma imagem satírica do profeta Maomé em sua capa.
Coincidência ou não, a Charlie Hebdo fez a divulgação em sua edição desta quarta-feira do novo romance do controvertido escritor Michel Houellebecq, um dos mais famosos autores franceses no exterior. A obra de ficção política fala de uma França islamizada em 2022, depois da eleição de um presidente da República muçulmano.
"As previsões do mago Houellebecq: em 2015, perco meus dentes... Em 2022, faço o Ramadã!", ironiza a publicação junto a uma charge de Houellebecq.
"O amor é mais forte que o ódio", diz capa da Charlie Hebdo publicada após primeiro atentado contra redação em 2011 (Foto: Reprodução/Facebook Charlie Hebdo)"O amor é mais forte que o ódio", diz capa da Charlie Hebdo publicada após primeiro atentado contra redação em 2011 (Foto: Reprodução/Facebook Charlie Hebdo)
A revista de humor tem sido ameaçada desde que publicou charges do profeta Maomé em 2006.
Em novembro de 2011, a sede da publicação foi destruída por um ataque criminoso, já definido como atentado pelo governo na época.
Em 2013, um homem de 24 anos foi condenado à prisão com sursis por ter pedido na internet que o diretor da revista fosse decapitado por causa da publicação das caricaturas do profeta muçulmano.
tópicos:
veja também
Meu nome é Duke. Isto é o Sky Car. Esta são Cidades do Hidrogenio e da Geotermica O trabalho apresentado neste blog, é um estudo de nichos sociais existentes em muitas das cidades visitadas. Muitos dados estão incorrectos, precisam de confirmação científica. Outros dads seguiram rigorosos critérios de investigação por muitos dos autores, a quem agradeço pelo seu trabalho. Peço desculpa por qualquer erro, baseado nas traduções do que eu escrevo aqui. Pois o meu conhecimento linguitico sobre tais linguas provem do tradutor do Google. As marcas apresentadas aqui tem todos os direitos sobre invenções ou trabalhos científicos citados. A cópia ou reprodução é punível nos termos da lei do país em que o crime de plágio é cometido. Obrigado ... Mid Night Duke ... ...



 The work presented in this blog, is a study of existing in many of the cities visited social niches. Many data are incorrect, need scientific confirmation.  Other dads followed strict criteria investigation by many authors, whom I thank for their work.  I apologize for any error, based on translations of what I write here. For my linguitico knowledge of such languages ​​comes from Google translator.  The marks contained herein has all rights to inventions or scientific papers cited. Copying or reproduction is punishable under the law of the country where the crime is committed plagiarism. Thank you ... Mid Night Duke ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

midnightduke8 procure este none no Google
Find in the Google this name midnightduke8

(PIEH) Parceria Internacional para a Economia do Hidrogênio
(IPHE) International Partneship for lhe Hidrogen Economy